Publicado por: Guilherme Byrro Lopes | 17/04/2009

Desvendando a Economia: a Sazonalidade – I


A economia é um assunto muitas vezes não compreendido pois, nós, economistas, utilizamos nossos termos técnicos e jargões. Dessa maneira, as pessoas se perdem ou se confundem em temas que acabam sendo bastante simples. Uma dessas confusões advém do termo “sazonalidade”. Diversas são as notícias em revistas e jornais que atribuem um resultado positivo ou negativo à sazonalidade.

Na intenção clarificar o que é a sazonalidade e como entendê-la em ocasiões futuras, decidi escrever esse post que, espero, dará início ao tema “desvendando a economia”. A palavra “sazonalidade” vem da palavra sazão (em latim satione) e se refere à “estação do ano“, muito comumente relacionada, no passado, à atividade agrícola, como a colheita e o plantio. Nos dias de hoje o significado foi expandido e usado mais amplamente em diversas análises.

Uma maneira fácil de exemplificar em que contexto essa palavra é usada seria interpretar a frase, que facilmente poderia ter sido falada em um jornal: “- O resultado de emprego em novembro veio positivo na margem mas, a com o ajuste sazonal (no resultado livre de variações sazonais / na série dessazonalizada), está pior”. Outro termo muito usado entre os economistas é “na margem”, que quer dizer nada mais do que uma variação entre um período e o período imediatamente seguinte (na unidade de medida: dia, semana, mês,…). Logo, a frase acima nos conta que entre outubro e novembro, o número de pessoas empregadas cresceu, mas, como naturalmente em novembro espera-se mais contratações para atender as demandas crescentes de fim de ano, é necessário tirar esse efeito do número original. Então, retirado esse efeito, a análise pode mudar e indicar que em novembro o número de contratações não cresceu pois existe uma parcela desse crescimento que é natural de novembro, mas que é temporário. Se é temporário, não veio pra ficar e, se não veio pra ficar, não deve ser contado como um crescimento do nível de emprego.

Quando os economistas trabalham com uma série ou uma série histórica, no exemplo, série de emprego, é a evolução do registro de todos os reultados de emprego. Adicionando um pouco mais ao tema, outro artifício geralmente usado é a elaboração de índices. Dessa maneira, estabelece-se um período para ser igual a 100 (mais frequentemente) e as oscilações período a período será refletidas nesse índice. Se de um mês para outro o emprego cresceu 5%, tem-se o índice em 105 [=100*(1+5%)]. Se no mês seguinte o emprego cair 2%, o índice será de 102,9 [=105*(1+(-2%))]. Isso vale para séries originais ou dessazonalizadas (livres do efeito sazonal).  Por isso muitas vezes a informação veiculada é apresentada ou como variações na margem ou como números índices, podendo ser a série original ou expurgada da sazonalidade.

Abaixo segue um gráfico com a série de pessoal ocupado assalariado, levando em consideração o total de pessoas dentro da indústria de transformação. Essas séries são divulgadas pelo IBGE, dentro da Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário (PIMES). O efeito da sazonalidade de emprego no fim do ano está indicada abaixo.

pimes-ibge1

Desvendando a Economia: a Sazonalidade – II >>
Anúncios

Responses

  1. gostaria de receber a resposta pelo meu email se fosse possivel. vc explicou no artigo sobre a interpretacao dos indices de sazonalidade, so que eu nao compreendi muito bem, se vc pudesse explicar melhor. Vou lhe dar um exemplo. No trimestre anterior eu tinha um indice de sazonalidade de 110, agora eu tenho uma de 85, o que isso significa, o que essa queda do indice significa? eu agradeco sua ajuda..muito obrigado

    Curtir

  2. Positivo , mas gostaria que me esplicasse sobre as propriedades dos indices sazonais num modelo de composição, ajudou-me muito. Obrigada

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: