Publicado por: Guilherme Byrro Lopes | 26/09/2009

O Colapso: As ameaças


Dando continuidade ao post anterior, o autor propõe logo de início, depois das diversas análises que serão apresentadas, que “os processos através dos quais as sociedades do passado minaram a si mesmas danificando o meio ambiente dividem-se em oito categorias” (p.18 – 4ª Edição). Adicionadas às 8 anteriores existem outras quatro mais que a sociedade atual enfrenta, contabilizando 12 ameaças que podem diferir de importância, mas muitas vezes se completam: (i) desmatamento e (ii) destruição do habitat; (iii) problemas com solo (tais como erosão, salinização e perda da fertilidade); (iv) problemas com administração dos recursos hídricos; (v) atividade excessiva da caça e (vi) atividade excessiva da pesca; (vii) consequências de introdução de espécies não-nativas dentro de um ambiente; (viii) impacto do crescimento populacional; (ix) mudanças climáticas fruto da ação do homem; (x) acumulo de produtos químicos tóxicos no ambiente; (xi) carência de energia; e (xii) utilização total da capacidade fotossintética do planeta.

Quais são os erros que já foram cometidos no passado que estamos repetindo no mundo de hoje? Como poderemos superar as ameaças? Jared não propõe que a humanidade irá se extinguir, mas que no atual caminho que trilhamos acabaremos por ter que nos adequar no futuro à um padrão de vida mais baixo. Podemos usar a tecnologia (que era mais primitiva nos povos do passado) para resolver muito mais problemas, como a atual medicina pode curar doenças mais rapidamente do que no passado, a globalização potencializa a transação de recursos naturais para todo canto do mundo, a ciência permite produzir mais alimentos e bens de consumo de maneira mais eficiente. Apesar disso a população também cresce e demanda mais e mais bens, explora mais os recusros e o comércio internacional ainda tem a limitação de, uma vez esgotados os recursos em um país, ele pode adquirir em outro, mas uma vez esgotado os recursos no mundo, não teremos a quem recorrer.

Essas ameaças não significam que estamos fadados ao colapso devido ao dano ambiental (apesar de muitos danos ambientais estarem prejudicando a vida de milhares de pessoas), mas elas nos podem fragilizar nossa sociedade e ai, como nos comportaremos? Dos exemplos a serem analisados, nenhuma sociedade colapsou de maneira que o dano ambiental tenha sido causa integral do colapso.  Jared considera uma estrutura de cinco pontos de possíveis fatores  que ajudam a entender o colapso ambiental: “(1) dano ambiental, (2) mudança climática, (3) vizinhança hostil e (4) parceiros comerciais amistosos – podem ou não se mostrar significativos para uma sociedade em particular. O quinto fator – as respostas da sociedade aos seus problemas ambientais – sempre se mostrou significativo“.

Sem necessariamente expor mais sobre esses fatores já é possível ter uma idéia de que, independentemente do que aconteça, o mais importante são as nossas reações e mudanças de comportamento para resolver problemas.  Por exemplo, já é um fato obvio que a poluição é uma das causa aquecimento global, a emissão de CO2, principalmente devido à queima de combustíveis fósseis, contribui para intensificar o efeito estufa. Segundo o IPCC (Intergovernmental Panel on Climate Change ou Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas), a temperatura mundial média aumentou 0,74ºC entre 1906 e 2005. O gráfico abaixo mostra a evolução da temperatura média na superfície planeta, o aumento do nível do mar e cobertura de áreas com neve no hemisfério norte. Não é preciso saber inglês nem ser cientista para  entender os gráficos e perceber que alguma coisa está acontecendo.

IPCC-fig1

Será que saberemos responder a tempo à essas mudanças?


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: