Publicado por: Guilherme Byrro Lopes | 07/12/2015

O velho argumento: “esse juros é pra pagar banqueiro”…


Acho que não cabe nesse blog manifestar sentimentos negativos, mas posso atribuir alguns sentimentos como “repulsa”, “nojo”, “ojeriza”, “indignação”, “entejo” e “asco”  (eu peguei a lista de palavras desse link) em relação ao argumento repetido por muita gente que “o Brasil paga juros pra banqueiro”, como se o banco fosse uma entidade maligna (ok, é um pouco dark side) e achando que o governo é refém e vítima das forças ocultas do mal que estão a perseguir o lado bom da força, qualificado na figura do PT. Ah sim, esse post é tanto político quanto econômico, pois é difícil separar essas coisas hoje em dia. Vou tentar fazer o esforço para não entrar no campo político-ideológico e me concentrar no lado econômico.

Assim sendo, o que são os juros? O que é o pagamento de juros de uma família para o banco? O que é a multa e os juros em uma conta que venceu?

Tudo isso faz parte de uma relação que existe entre 2 agentes econômicos diferentes: um tomador de empréstimo e um emprestador, que tem dinheiro e está disposto a emprestar à alguém. O tomador geralmente é quem tem a decisão final de “quero ou não” o empréstimo. Seja no caso de uma necessidade financeira ou para aquisição de um bem de elevado valor, o TOMADOR DECIDE unilateralmente pegar emprestado.

Feito isso, é criada uma dívida, por iniciativa do TOMADOR para com quem emprestou recursos para ele. Assim é o GOVERNO: TOMADOR. A dívida pública nada mais é do que um reflexo das ESCOLHAS DO GOVERNO para obter recursos.

Feito isso, o TOMADOR ou GOVERNO tem UM COMPROMISSO de pagar. Caso o compromisso não seja honrado, o entendimento é que o TOMADOR deu calote. Oras, ninguém gosta de caloteiro. Quando uma família pega dinheiro emprestado no banco, ela tem que repagar a uma condição combinada anteriormente: geralmente a assinatura de um contrato. Quando não paga em dia, toma multa e paga juros em cima do saldo devedor. Por que? Quem emprestou também tem obrigações financeiras e já havia sido acertado antes o prazo da devolução do dinheiro.

Desta forma, não é diferente com o governo! A dívida pública no país cresceu enormemente nos últimos meses, como mostra o gráfico abaixo.

divida publica.png

Esse aumento de dívida é de um patamar de 52% do PIB para mais de 66% em outubro de 2015. Já que o governo pegou mais dinheiro emprestado, ele sinaliza que está aumentando sua dívida e isso aumenta o risco de um dia não pagar (sim, há risco sempre, ainda não quando os governos deixam de ser confiáveis).

Com a dívida mais elevada, o governo tem que pagar mais juros, afinal, é esse o COMPROMISSO que O GOVERNO ASSUMIU antes de pegar emprestado. Assim, o pagamento de juros é um compromisso do governo pois precisou pegar dinheiro emprestado. A gestão das finanças públicas cabe única e exclusivamente ao governo. Quando ele decide tomar mais dinheiro emprestado, é uma decisão unilateral. Mas depois tem que cumprir com suas obrigações. Assim, o pagamento de juros aumenta também, como mostra o gráfico abaixo.

despesa com juros

Não, não é uma grande coincidência que o aumento de despesa com juros aumentou quando a dívida aumentou. É uma consequência direta.Quando o governo decide se endividar mais, ele tem que devolver na mesma proporção o pagamento do dinheiro emprestado. Por esse motivo O GOVERNO tem que pagar mais juros. Vale a pena notar a inversão da tendência de dívida e juros a partir de 2013, quando já se arquitetava um plano para ganhar eleições.

O CULPADO POR AUMENTAR O ENDIVIDAMENTO PÚBLICO É O PRÓPRIO GOVERNO, INDEPENDENTEMENTE DO MOTIVO.

Espero que continue cumprindo suas obrigações e para de colocar a culpa nas forças ocultas. Quem quer aparecer, não tem que se esconder depois.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: